http-equiv=’refresh’ content=’0; Boulevard of Ideas: Janeiro 2012

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Mulheres Ricas

Hellooooooo ooooooou!!!!

O programa estreou há um mês e já é de longe, o melhor programa humorístico da TV aberta. Sério, o Ministério da Saúde adverte (ou pelo menos, deveria): dinheiro em excesso causa demência.

Já vou avisando: fãs das peruas, não me encham o saco nos comentários porque farei comentários maldosos muahahahahá

Conheça as participantes:



Brunete Fraccaroli: se acha a Barbie e tem uma coleção delas, inclusive uma foi feita em sua homenagem. É uma renomada arquiteta que já ganhou prêmios e tal.
Brunete está mais para uma mistura de boneca inflável com a noiva do Chuck, do que para Barbie, né?

Age igual criança mimada e só pensa em comprar roupinhas bregas p/ poodle Sisi. É tão esticada que se sorrir muito acaba fazendo uma posição involuntária do Kama Sutra, e nem vou falar do botox..

Botox + Brunete = you're doing it wrong!

E BrunETE? Seriously? ETE é sufixo de POBREZA!



Débora Rodrigues: ex-sem terra, atualmente é piloto de Fórmula Truck.

Aparentemente, ela é a mais 'pobre' entre as peruas e a mais normal também. Ela é uma pessoa centrada, que não se preocupa com tantas futilidades e dá prioridade à família. É do tipo grosseirona, mas não tenho nada contra. Só acho que ela é uma peixe fora d'água nesse programa.

Sem graça.



Lydia Sayeg: Herdeira da exclusiva Casa Leão Joalheria, ela é hoje a terceira geração que administra a empresa.

Do tipo obsessiva com segurança, faz aula de tiro, defesa pessoal e anda com uns 50 seguranças. Adora umas frases de impacto e fala pausadamente, como se estivesse decorando um roteiro.

Tem uma filha que só faz merda, do tipo: 22 multas em UM ano e sempre pega as roupas da mãe p/ sair. Po**a garota, você é milionária! Vai p/ shopping e para de usar roupas da sua mãe!



Narcisa Tamborideguy: Ai que absurdo!

Completamente louca, do tipo que se pendura no helicóptero p/ se exercitar, é escandalosa e sempre fala "Ai que absurdo!", "Ai que loucura!" e "Ai que delícia!".

No final de cada frase, lança um sorriso maníaco para as câmeras, o que demonstra que é extremamente narcisista (sem trocadilhos) ou só maluca mesmo.

A voz de Narcisa é de uma pessoa que está constantemente grogue. Como é a única carioca do programa, ela é a que menos aparece, o que é uma pena, porque é a MAIS divertida! Narcisa, nós te amamos!



Nascida em Araponga, Valdirene (nem precisa de comentários jocosos com essa mini-biografia, né?) começou vendendo "Avão" como sempre fala e se tornou sócia da transportadora Valmar – fundada junto com seus irmãos – e criadora de gados da raça Nelore. Mas como bem sabemos, essa dinheirada toda vem de golpe da barriga.

É extremamente fútil, insuportável e fala mal de todas elas, se achando superior. A cada dez palavras, nove são Hellooooo e a outra é champagne. Bebe champagne como se fosse água. Querida, isso não é chique, isso é alcoolismo. Vá se tratar!

Ela se acha linda, mas é apenas muito rica. Ponto final. Dinheiro não compra beleza, só roupa Chanel, e certamente não compra um cérebro, o que é uma pena.

E quem ela pensa que é p/ desdenhar dos pobres? Ô VALDIRENE, me poupe! Você saiu da roça, mas a roça não saiu de você. Helloooo! Sua certidão de nascimento sempre lhe lembrará disso! HAHAHÁ

Comentários maldosos a parte, o programa é divertidíssimo e tirando as futilidades que beiram ao absurdo, todas elas tem lá seus méritos porque conseguiram chegar aonde chegaram.

Mas e vocês, tão gostando do programa? Sejam sinceros! Eu não perco um ;D

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

Capas de revistas sinceras

Olá,

Primeiramente gostaria de dar o crédito deste post ao Sedentario.org que foi onde eu achei essas capas de revista sinceras e achei tão bom que quis compartilhar com vocês.

A verdade é que todo mundo já leu ou lê uma ou várias dessas revistas e amando-as ou não, a gente sabe que todas seguem a mesma receita. Nem vou falar mais nada, apenas cliquem nas imagens para ampliá-las e divirtam-se!



































domingo, 15 de janeiro de 2012

Top 10: Brinquedos dos anos 90

Hellooooooo ooooou,

esse é o cumprimento mais irritante de todos, né? Quem assiste a "Mulheres Ricas" que o diga... Mas esse post não é sobre esse reality show, como vocês podem ler no título, trata-se apenas de mais uns brinquedos que eu adorava quando era pequena e que acabei lembrando hoje e gostaria de compartilhar com vocês, porque acredito que vocês se divertiram com eles também. If you remember them, than you had a great childhood ;D

Já fiz um post com outros brinquedos, que o pessoal gostou bastante, que você pode conferir clicando aqui.



Esse brinquedo mostra perfeitamente que criança não precisa de muito para ser feliz. Molas coloridas nos distraíam durante horas e mais ainda quando davam nós, era um verdadeiro desafio desatá-los.



Pula-pirata era clássico p/ brincar com os amigos.. Era um Jenga mais fácil da época.



Eu tinha uma máquina registradora idêntica a essa e eu a adorava. Lembro que brincava de restaurante com meu primo, pegava as almofadas e as usava como mesas e os meus bichinhos de pelúcia eram os consumidores das minhas comidinhas de plástico. Good times!



Pega-vareta me deixava apreensiva. Era difícil e eu semprre queria a preta primeiro, que era a que valia mais pontos.. Emocionante!



Aquaplay deixavam meus polegares doendo, era minha distração no carro, num tempo onde os smartphones nem sonhavama em existir...



Eu tinha esses skates e não, não sabia fazer as manobras legais e tal, eles serviam p/ meu Ken parecer mais cool hahahahahaha



Pode-se dizer que é o pai/avô sei lá do game boy? A febre foi mais ou menos a mesma..



Um dos meus preferidos! Era tão baratinho e era só dar corda e se distrair pescando.. Muito bom!



Quando esse tapete dançante saiu, eu lembro que eu pedi de Natal e rodei quase todas as lojas com meu pai até achá-lo.. Posso dizer que me diverti bastante dançando nele xD



Vai-vem você encontrava em qualquer loja de R$ 1,99 e era diversão garantida na hora do recreio! Só tinha que tomar cuidado na hora do "vem" p/ não machucar os dedos..

E vocês? Lembram de mais alguns?
Bjins

domingo, 8 de janeiro de 2012

Nomes de banda de rock

Olá,

dando uma olhada nas estatísticas do blog, não posso deixar de reparar que entre os mais visualizados estão os dois posts sobre a origem do nome de algumas bandas que você pode conferir aqui e aqui.

Bandas é que não faltam e hoje, resolvi pesquisar sobre a origem do nome de outras que adoro e que achei interessante. Incrível como histórias aparentemente "bobas" deram origem a nomes de grupos que fizeram e fazem parte da história da música.



The Clash

Uma das grandes contribuições de Paul Simonon para o The Clash foi o nome da banda. A origem veio da percepção de que a palavra clash (choque) aparecia frequentemente nos noticiários para descrever os conflitos sociais e políticos na Inglaterra.



Foo Fighters

Seu nome é uma referência ao termo "foo fighter", usado por aviadores na Segunda Guerra Mundial para descrever fenômenos aéreos misteriosos, considerados OVNIs. A palavra Foo é uma corruptela do francês "feu" significando "fogo" ou "fou", significando "insano".



Led Zeppelin

Inicialmente a banda se chamava The New Yardbirds, então Keith Moon (The Who) achou que a banda cairia como um "balão de chumbo" (do inglês "lead zeppelin"). A palavra "lead" é propositadamente mal escrita para que a pronúncia correta seja usada.



Pink Floyd

O nome é a abreviação de The Pink Floyd Sound, nome sugerido por Barrett em homenagem ao nome do álbum de dois músicos de blues admirados por ele: Pink Anderson e Floyd Council.



Red Hot Chili Peppers

A banda nasceu em 83, com o nome de "Tony Flow and the Miraculously Majestic Masters of Mayhem". Segundo Anthony Kiedis, após um show que se apresentaram com esse nome, eles chegaram a conclusão que era uma droga. Depois de uma semana pensando em nomes, Flea veio com Red Hot Chili Peppers (pimentas vermelhas ardidas) que parecia muito apropriado pois transmitia energia, cor e sons.



Black Sabbath

Inicialmente chamada Polka Tulk Blues Band e encurtado depois para Polka Tulk. Mais tarde, Clarke e Phillips saem do grupo e o restante decide alterar a denominação para Earth. Após um curto período, o nome da banda foi mudado porque havia outro grupo denominado Earth. A escolha do nome, mais tarde, veio de Butler, um grande fã dos romances de "magia negra" e "terror" de autores como Dennis Wheatley. Butler tinha visto o filme de terror italiano do diretor Mario Bava, I Tre Volti Della Paura (As Três Máscaras do Terror), mas exibido com o nome de Black Sabbath na Inglaterra e EUA, e escreveu uma canção que incorpora o título do filme.



Cheap Trick

Nome tirado usando uma tábua Ouija. Essa tábua supostamente faz um elo entre os vivos e os mortos. Muito como o jogo do copo aqui no Brasil.



Evanescence

A banda passou por vários nomes como Childish Intentions e Strycken até resolverem chamar a banda de Evanescence, que significa "desaparecimento" (do verbo latino "evanescere”, que significa "desaparecer"). O nome agradou Amy Lee, porque segundo ela "é misterioso e sombrio, e coloca uma imagem na mente das pessoas".

Até a próxima,
;*

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

A história dos Beatles contada pelo Meia-Hora

Olá,

o primeiro post do ano reúne duas coisas que tem a ver comigo: jornalismo e Beatles. Há muito tempo, alguém (não lembro quem) me mostrou essas imagens que mostram como seria a história dos Beatles contada pelo Meia-hora, um jornal popula do Rio de Janeiro.

Lembrando disso hoje, pesquisei aqui na internet e achei no site http://beatlestothepeople.wordpress.com/ que é muito bacana. Tem até os tweets do quarteto caso essa rede social existisse no tempo deles. Confira aqui

Nem todo mundo é fã, então nem todo mundo conhece a trajetória do grupo, portanto, vou dar um breve histórico dos anos referentes às capas.

1962 - Quando George Martin viu os Beatles no Cavern Club, achou que a banda tinha potencial, mas não gostava do desempenho do então baterista, Pete Best. Logo, Pete saiu do grupo e Ringo Starr o substituiu.

Stuart Sutcliffe foi o primeiro baixista do grupo e também era o que mais fazia sucesso entre as mulheres. Numa pequena turnê em Hamburgo (Alemanha), Stu conhece a fotógrafa Astrid Kirchherr (responsável pelo famoso corte de cabelo "cuia" da banda e o design dos ternos) e sai da banda para viver com ela em Hamburgo e se dedicar à pintura.

Lennon se casa em segredo com Cynthia Powell, sua primeira mulher e mãe de seu primeiro filho, Julian Lennon.



1963 - Início da Beatleamania

Durante um show, onde a princesa Margareth e o lorde Snowdon estavam presentes, Lennon solta a seguinte frase - "Os que estiverem sentados nos lugares mais baratos podem aplaudir; os restantes balancem suas joias".



1964 - No dia 1º de fevereiro, I wanna hold your hand chega ao primeiro lugar nos Estados Unidos, levando a Beatlemania p/ terra do Tio Sam. Os Beatles vão pela primeira vez para os EUA e se apresentam no Ed Sullivan Show, um famoso programa da época, batendo record de audiência.

Em junho de 1964, quando iam fazer turnê pela Escandinávia, Holanda e Austrália, Ringo é hospitalizado com faringite e é substituído pelo britânico Jimmy Nicol.



1965 - Numa festa, Bob Dylan introduz os Beatles às drogas.

O FabFour conhece um de seus ídolos, Elvis Presley.

Jane Asher era uma atriz que foi a namorada de Paul McCartney durante os anos de maior sucesso do grupo.



1966 - Os Beatles fazem uma apresentação história no Shea Stadium, onde a histeria das fãs era tanta, que mal se conseguia ouvi-los cantando.

Em novembro, Paul sofre um acidente de moto e daí surge o boato que ele teria morrido e sido substituído por um sósia, o Billy Shears. Então surgiram várias "mensagens subliminares" nas capas dos CDs, que você pode ler aqui.

Em entrevista, Lennon solta a seguinte frase polêmica - "O Cristianismo irá acabar. Irá diminuir e sumir. Eu não preciso de argumentos para provar isso. Eu estou certo e será confirmado que estou certo. Nós somos mais populares que Jesus hoje em dia; não sei quem será esquecido primeiro, o rock and roll ou o Cristianismo. Jesus era bom, mas seus discípulos são cabeças-dura e ordinários. Eles distorcendo tudo é que fazem com que isso não signifique nada para mim".



1967 - Morre de overdose o empresário deles, Brian Epstein.

Em entrevista, Paul fala que usa LSD.

Os Beatles param de fazer shows.

Surge a ideia do filme Magical Mystery Tour.



1968 - Influenciados por George Harrison, os Beatles vão para Índia fazer um retiro espiritual com o Maharishi Mahesh Yogi.

Ringo anuncia que vai sair da banda.

Começa o romance de John com Yoko.



1969 - Em uma de suas últimas apresentações, os Beatles se apresentam no terraço da Apple.

Lennon e Yoko se casam e em sua lua-de-mel, fazem o "Bed-in", onde os dois não saem da cama e recebem jornalistas em seu quarto de hotel como forma de protesto pacífico contra a guerra.



1970 - John anuncia que vai deixar os Beatles, mas é persuadido a ficar. Então Paul anuncia que vai sair e a banda chega ao fim, deixando Ringo, George e John com raiva dele. Paul lança seu primeiro disco solo, intitulado McCartney.

Lennon fala que as músicas de Paul parecem músicas de consultório de dentista e que a única coisa que ele fez de bom foi Yesterday.

George, que sempre teve suas canções deixadas de lado por Paul e John, lançou All things must pass, um álbum triplo com canções que havia acumulado ao longo dos anos. O álbum atingiu o primeiro posto das paradas de sucesso britânicas e norte-americana.

Ringo lança Sentimental Journey e Beaucoups of Blues, ambos no mesmo ano, mas não fazem muito sucesso. No ano seguinte, Ringo atua em "Blindman".



Bom ano, cambada!

Bjs