http-equiv=’refresh’ content=’0; Boulevard of Ideas: O que eu também não entendo...

sexta-feira, 13 de maio de 2011

O que eu também não entendo...



Olá,

Antes de mais nada gostaria que vocês dessem uma lida e falassem o que acharam de duas matérias que eu fiz para o Acontece em Petrópolis. Uma é sobre o Saint-Exupéry (autor de O Pequeno Príncipe) e a outra é sobre os poetas que viveram em Petrópolis. Se gostarem, divulgem o site para seus amigos e se não gostarem, para os inimigos hahahaha

Bom, esse post nada mais é que uma total falta de assunto da minha parte, então perdoem a minha falta de criatividade e SUGIRAM TEMAS NOS COMENTÁRIOS ;D Sobre o que vocês gostariam de ler? Assim facilita a minha vida ;D Mas enquanto eu não recebo sugestões, aí vai um post sobre expressões da internet. Por favor, fiquem a vontade para acrescentarem outras que eu esqueci e expliquem também hahahaha

O que eu também não entendo...

Essas gírias da Internet são TENSAS! Aliás, por que de uns tempos para cá essa palavra está sendo usada para tudo? “Fui mal na prova. Tenso”, “Esse jogo está tenso”, “Putz, falei com fulano e o papo foi tenso”. Tensa fico eu lendo isso o tempo todo. Usem outra palavra, o que não faltam são sinônimos na nossa língua.

Gente, para quê tanta sigla? Sério, já não bastam as milhares que a gente tem que saber no dia-a-dia e agora tem tantas outras nesse mundinho virtual. Para esse post, pesquisei algumas que nem sabia que existiam como esta: ROFLMAO. Isso nem chega a ser uma sigla, já é praticamente uma palavra que significa Rolling On the Floor Laughing My Ass Off, ou seja, rolando no chão de tanto rir. Gente, que mal há em simplesmente rir? Um “hahahaha”, “hauihaiuahauiha” ou um simples “rs” já dão conta do recado, mas vocês insistem em complicar. O “LOL” (laughing out loud) é mais popular caso vocês façam questão de usar uma sigla...

Sou só eu ou vocês também não conhecem o “noob”? Noob significa que é novo em algo; é o novato, mas muitas pessoas usam mais como insultos do tipo "fraco". É sinônimo de Loser então ou é usado em outro contexto? Aguardo esclarecimentos nos comentários!

Convenhamos que “OMG” (Oh my God = ó meu Deus) é expressão de patricinha em Gossip Girl, né? Por onde andam o “Ai Meu Deus” ou ainda o “Valha-me, Deus”? Valorizem as nossas expressões! Tem umas que são porretas...

Só p/ finalizar, outra coisa que eu também não entendo: o uso de “seu/ sua lindo(a)”. WTF? Quem fala isso que me perdoe, mas soa muito falso, embora não seja esta a intenção. Viram, seus lindos?

Sem querer bancar a “Policarpo Quaresma”, mas vamos começar a usar o nosso idioma e suas expressões ao invés de copiar a fala dos outros, afinal o que não faltam são expressões e regionalismos, né?

Vocês podem relembrar algumas expressões (clichês) abaixo:

Estou com a pulga atrás da orelha - desconfiado, encucado

Sebo nas canelas - corra o mais rápido que puder

Ficar marcando touca – ficar dando bobeira bobeando numa situação

Pensar na morte da bezerra – estar distraído pensando em outra coisa

Sangue de barata – aquela que é insensível, não se comove com nada

Ter o rei na barriga (= ficar se achando) – pessoa metida que está se achando a melhor do mundo

Nem a pau – Dizer nem a pau é o mesmo que dizer: “ nem que me matem a pauladas” ou “nem sob tortura”

Vai pentear macaco – esta é da mesma turma do “vai ver se estou na esquina”,”vai lamber sabão”, “vai plantar batatas” e “vai catar coquinho” e todas querem dizer a mesma coisa: “VÊ SE NÃO ENCHE E ME DEIXA EM PAZ”

Tirar o time de campo –estou indo embora, tchau!!

Pensando com meus botões – quem usa esta é porque quer ficar sozinho num canto, pensando..

Onde é que fui amarrar meu burro? – usada quando estamos em uma situação desfavorável na qual gostaríamos muito de não estar

Entrar numa roubada – é o mesmo que entrar numa fria

A vaca vai para o brejo – sinônimo de “já era” ou o grosseiro “Fu***”

Ir para o saco –surgiu durante a 2ª GUERRA MUNDIAL em que os soldados mortos eram colocados numa espécie de saco, com zíper

Bola p/ frente – tocar a vida para frente

Chinfrim – algo que é muito inferior, comparado com alguma coisa superior que também é do nosso conhecimento.

Mala sem alça – insuportáveis.

Meu peixe – aquele que é muito amigo, quase irmão de quem está falando

Pé murcho – No futebol esta é usada para fazer referência àquele jogador fortão como um tigre, mas que tem um chutinho de moça

Lambe bota – Agora nos referimos ao puxa-saco, que também é conhecido pejorativamente como chupa-ovo

É isso gente...

Bom final de semana ;D

Bjins

2 comentários:

  1. O incrível é ver como às vezes o negócio pega por osmose. Você ouve (ou lê no caso da internet), pensa "mais uma gíria" e quando menos espera solta. E solta de novo. E fala sem querer aqui, e usa numa frase em que a gíria cabe direitinho. Acho que é a maior prova de que a língua é viva e evolui com o passar do tempo. Ou involui, em alguns casos...

    Gostei.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Essas gírias me irritam mt, essa coisa de falar q eh td tenso... fala serio neh? fala q tah dificil, complicado, assustador, não tenso....
    falar "ah sua/seu lindo" tb acho q eh falsidade, ngm precisa chamar os outros de lindos o tempo t, acho estranho ahuahua
    ótimo post!
    bjs

    ResponderExcluir